02 maio, 2006

O tesouro


Sobre a matéria prima ou quinta essência

“Essa coisa é de ti mesmo que é necessário extrai-la, pois tu és a mina. Foi em ti que Deus criou essa coisa tão notável e, seja qual for o lugar onde estejas, ela está dentro de ti e não te poderá ser arrancada”
Morienus

O tesouro está em ti... o teu caminho traça o mapa, e não o contrário. Segue o teu coração, sede da verdade. Nele reside o Olho - a tua consciência-consciente que ... Cada verdade que despertares em ti é uma pepita de ouro do teu baú.

31 comentários:

Jardineira aprendiz disse...

'...o teu caminho traça o mapa' Gostei! Se calhar era importante aprendermos a aceitar o nosso caminho. Embora às vezes apetecesse um caminho mais fácil e directo!
Beijinhos!

sa.ra disse...

Olá, bom dia amiga Jardineira!

ehehehhehe!
as vias rápidas... são, passo a redundância, rápidas... mas toda a gente admite, que é pelas velhas estradas... um pouco mais difíceis de trilhar, que o caminho nos oferece as melhores paisagens e, sobretudo, os obstáculos (curvas, terreno mais turbulento) que nos obrigam a andar mais devagarinho...


é também por isso que damos outra atenção aos detalhes da paisagem... e melhor: paramos! podemos parar onde quisermos!
quem segue na auto-estrada só pode parar onde lhe é permitido!

chegar depressa não compensa!
o bom mesmo é a viagem... e o prazer de gozá-la com liberdade!
não achas?

beijinhos!
um dia muito feliz!

HatA/mãe disse...

Obrigada pelo tesouro que tens dentro de ti...

eu estarei perto de rencontrar o meu...mas ainda não estarei pronta...mas sei que não ando longe!

O caminho às vezes tem obstáculos, que não consigo ultrapassar...então terei que os contornar!

Uma boa semana
beijos

sa.ra disse...

Olá querida Noite!
olá!

tenho a certeza que sim! que vais reencontrá-lo!

e tens razão amiga... certos obstáculos não são para ultrapassar... para quê querer derrubar um muro, quando há uma porta, ou uma brecha... algures... às vezes tão perto!

às vezes descobrir essa passagem é superar o obstáculo... e essa é a grande conquista - mudar o ângulo de visão, reconhecer a tal passagem, e libertarmo-nos da obstinação que nos levou a querer derrubar o muro!

foi à tua Noite!
não posso deixar-te lá um beijo!
fica aqui!

tem um dia muito feliz e uma semana luminosa, feliz, em paz!

MD disse...

Olá!

É natural que não te lembres de mim. Não me conheces!
Encontrei este blog e como gostei tenho feito umas visitas.

O nome MD foi "por acaso". Utilizei-o noutro blog e acabei por escrever MD nos blogs onde fazia algum comentário. Pensei em alterá-lo quando me surgisse alguma ideia. Mas afinal acho que vai ficar assim. Traz-me boas recordações.
Vou passando por aqui!

sa.ra disse...

Olá MD!

Obrigada pela resposta e pela visita; pelas visitas!

volta sempre!
beijo
tem um dia feliz!

greentea disse...

cheguei!!!!!
agora tenho de pôr tudo em ordem
e falta-me o tempo

bjs

sa.ra disse...

olá Greentea!!!!


que bom!!!!! de volta!
imagino essa sensação de "fora de controlo"... uns dias fora e é assim, mesmo!

com calma... com calma!

beijinhos!
dia feliz!

aprendiz de viajante disse...

Tens toda a razão! O problema é que por vezes é difícil ver com clareza esse tesouro, às vezes ele está escondido em nós...

Obrigada pelas tuas visitas no meu blog.

Um bjo

sa.ra disse...

Olá Wicca,

não precisas agradecer as minhas visitas!
vou ver-te com imenso gosto!

sobre o tesouro escondido... temos de limpar... limpar, tirar a casca... tirar todas as cascas, uma a uma, até ficarmos nus... completamente nus diante de nós... temos de largar coisas... descer ao fundo de nós ...

e subir, mais leves... com a certeza de que o tesouro nunca esteve fora de nós!

beijinhos
um dia muito feliz!

Jardineira aprendiz disse...

Pois, tens razão! Numa de sentir fisicamente o caminho, sonhei em fazer o caminho de Santiago, mas como só arranjei companhia para o de Fátima foi o que fiz - à beira da estrada! Um tanto frustrante.

Ainda sonho fazer o de Santiago. O francês porque sonhar não custa! Quem o fez diz que aprende a apreciar as curvas do outro!
Jinhos!

125_azul disse...

dentro decada um, um mundo! bjinho

Tetracloro disse...

Não é fantástico constatar que no seu cerne, quando de bem, todas as ideologias , religiões e credos tendem sempre para as mesmas coisas ?

as velas ardem ate ao fim disse...

Obrigada pelo que me deixaste no meu bloggue. não podia estar mais de acordo.ja tive dois ataque de panico aqui onde trabalho.

gostaria de acreditar que o tesouro esta em mim

bjos

greentea disse...

bom dia

deixei-te um desafio lá pelos meus sitios

para dar continuidade


urgente!!

beijinhos para ti

Teresa Durães disse...

estive cá :)

Maria Costa disse...

Tão fácil e tanta dificuldade em verem o seu tesouro.

Dia muito feliz.

Beijinhos.

Liliana disse...

Bom dia

Vi o seu comentário no Desambientado,com o qual concordo inteiramente.(Acho que cheguei á mesma conclusão depois de muita "TRABALHEIRA"...)
Há muito que vejo os seus interessantes comentários em vários blogs,mas nunca tinha estado aqui antes.
O tempo que tenho disponível como é curto, nem sempre faço comentários.
Além de vir retribuir-lhe a visita,vim agradecer-lhe a pepita que aqui encontrei.
Bem haja

sa.ra disse...

Jardineira aprendiz!

estou contigo nessa peregrinação até Santiago! aliás... o destino é o menos... o caminho, sim... mas terra adentro... coisa para de fazer... caminhando, um passo de cada vez!

que tal?

(hoje, vou tentar responder via caixa postal... se não der... amanhã é outro dia, ok?!)
beijinhos!
tem um dia muito feliz!

sa.ra disse...

125_azul

dentro de cada um um mundo :)
o seu próprio, à imagem de si mesmo!

obrigada!
beijinhos
um dia muito feliz!

sa.ra disse...

Tetracloro

"Não há novidades debaixo deste céu"... já foi tudo dito... estamos só a repetir, para lembrar... relembrar...

Todas as Tradições dizem em mesmo, em línguas diferentes! mas o mesmo,sem dúvida!
e é como dizes, extraordinária, esta simbiose universal! quem ainda duvida que somos UM?

beijokas
tem um dia muito feliz!

sa.ra disse...

Velas que ardem até ao fim!

o tesouso está em TI! confia!

beijinhos!
tem um dia muito feliz!

sa.ra disse...

Teresa!
:) obrigada pela visita!

fico muito feliz de ver-te por cá!

beijinho!
um dia muito feliz!

sa.ra disse...

Maria do Céu,
as coisas simples são
(in)suspeitas!

beijinhos!
um dia muito feliz!

sa.ra disse...

Olá Liliana!
Bem vinda! obrigada pela visita e pelo cumprimento!
volta sempre que quiseres, que puderes!

se não puderes, não faz mal, visito-te eu!

beijinhos!
tem um dia muito feliz!

Ohniar disse...

olá sa.ri.ta

Andamos à procura
Dessa maravilha
Soukha luminoso
À deriva
E vem que vamos
Alienarmo-nos
Noutras paragens
Quando se pararmos
Ele está cá dentro.


O lobito gostou da ideia,
A dificuldade está em ficar
A sós connosno próprios
P'ra encontrarmos esse caminho

É uma tempestade ficarmos sós,
Sem música, nem computador
Só nós

beijinhos

Jardineira aprendiz disse...

Embora este destino também seja interessante, é verdade, o que conta é o caminho. Um caminho para romper sapatos e pés!

Misterious_Spirit disse...

Tão bonito! É verdade,dentor de nós podemos descobrir as verdades mais belas,temos para isso de estar atentos e aprendermos a escutar a nossa voz interior. É um tesouro pois nos aperceberemos de que fazemos parte de um todo e que somos uno com todo o universo e que essa magia está em toda a parte!

sa.ra disse...

Misterious_spirit

é isso minha amiga! é mesmo isso!
:)

beijinhos!
tem um dia muito feliz!

sa.ra disse...

Jardineira Aprendiz,

Curioso (ou não) teres mencionado o caminho, siblinhando não a estrada, a trilha, mas os passos.

"Um caminho para romper sapatos e pés!"

Não posso precisar, mas a palavra "pecado" oriunda do latim remete para pé!
peca aquele que caminha, coloca mal o pé! que vai manco... que caminho torto! pecar - pé defeituoso - mau caminhante!

ou seja, o virtuoso caminha com pureza nos pés! segue o caminho e dá passos no sentido do Bem, do Belo e do Justo!

beijinhos!
dia muito feliz!

Jardineira aprendiz disse...

Se for esse o segredo então podemos aguentar bem o caminho! É engraçado dizeres isso porque literalmente, falando dos pés reais é isso que acontece! A forma como caminhamos influencia no estado a que os pés chegam ao destino, nestas caminhadas longas!
Jinhos