28 fevereiro, 2007

de carne e osso














Somos de carne e osso e não há nenhuma experiência que possamos viver excluíndo ou negando o nosso corpo.
Não há experiências "fora" do corpo, ainda que para além dele.

Somos corpo, mente, alma e espírito.
A mente vai além do corpo e inclui-o. A
alma vai além do corpo e da mente e inclui ambos. O espírito vai além de tudo e inclui tudo. Mas nunca, em caso algum, o corpo é excluído dos domínios que vão para além dele. Cada experiência, seja ela qual for inclui o corpo. Desde a sensibilidade mais ténue à experiência mais sublime é no corpo que a experimentamos. É aí que a recebemos e nos damos conta dela - nos nossos nervos, no bater do coração, no sabor que impregna o olhar, no cheiro dos outros, nos gestos, nos pensamentos, ideias, nas obras que fazemos em silêncio ou moldadas pelas nossas próprias maõs. O nosso corpo é a primeira obra que devemos admirar e é ligado a ele que podemos ascender a todos os domínios que o ultrapassam.


Sublimar o corpo, não é mesmo que valorizar a imagem. O nosso corpo é maravilhoso, independentemente da forma.

Apesar das dores, apesar das aparências, apesar das limitações, o corpo é o nosso primeiro instrumento e o grande templo de todos os nossos sentidos, sentimentos, ideias, vislumbres e sonhos.
Berço e abrigo daquilo que somos, aqui e agora, o nosso corpo de carne e osso é lindo!

22 comentários:

Papoila disse...

Ola Sa.Ra vim ler-te e dizer-te que somos muito mais do que um simples corpo... Somos vida, amor, sentimos...
Deixo-te um bjinho de algodao doce,
Papoila Sonhadora,

sa.ra disse...

somos Papoila, claro, mas neste instante, onde poderíamos nós sentir a vida, o amor, criar, pensar, sonhar se não tivessemos este suporte (o nosso corpo) que nos permite tudo isso?

mesmo o que vai além do nosso "simples corpo" ou passa pelo nosso corpo ou não passa por nós sequer!
venha de onde vier um sonho, uma ideia, um insihgt, um sentimento ou emoção... é no nosso corpo (complexo e extraordinário) e através dele que, aqui e agora, como seres que somos, podemos experimentar tudo isso.

:)

é como dizer que a beleza da Terra poderia existir sem o planeta Terra! Que a Terra é um simples planeta e que para além dela há coisas muito mais importantes. É verdade, mas sem a Terra o que estamos a considerar mais importante, nem sequer poderia ser reconhecido!
A beleza, as maravilhas que a terra manifesta vão além dela... contudo sem essa manifestação, como podeíamos testemunhá-la?

diz-me... como podes sentir a vida sem sentidos, como podes amar sem coração, como pode pensar sem um cérebro, como podes sonhar sem a tua alma, a que se manifesta através de ti, na tua existência?
a tua poesia pode não vir do teu corpo, mas sem ele, como poderias expressá-la? como se faria música, como se pintaria um quadro, como se tocaria o céu?
o corpo não é apenas um acessório menor - nele está toda a sabedoria a que podemos aceder e através dele tocar o intocável... como estas folhas virtuais que, estando em toda a parte não estão em lugar nenhum! é preciso um corpo para as receber, para as manifestar!
:)
outro beijo para ti
dia mt feliz

raquel disse...

também ele feito de impermanências: vai registando toda a nossa vida, expressando cada sentir, registando os anos nas rugas.
é tão bom podermos SER!
um beijo menina das borboletas;)

Hanah disse...

lindo e revigorante....

beijo para você...

Betty Branco Martins disse...

Sa.Ra

A existênecia do "SER" que ilunina e anima o "CORPO" que é belo-único

é uma OBRA MAGNÍFICA!!!

PARABÉNS pelo teu post.

Beijinhos com carinho

=^.^= Tarina =^.^= disse...

Eu acho o ser humano, independente de tudo o pior, fantástico... á pessoas com uma capacidade inoreme de dar, receber, sorrir, fazer feliz, bem... nem sei...

Nós somos mais que um simples corpo com espirito...

Somos tudo o que há de bom... somos a mor, paz, união, somos felicidade!

E é bom as pessoas term a coragem de se predisporem a ser felizes!

´1 beijo =^.^= tarina

wicky disse...

somos tudo isso e muito mais

mas a verdade é que muita gente começa por desprezar o seu próprio corpo arrastando tudo o resto para o mesmo abismo

tristemente, fico a pensar naquela mãe belga que se degradou ao ponto de destruir os seus próprios 4 filhos...

Avusa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Avusa disse...

que bom sentir que há sintonia!!!

Misterious_Spirit disse...

O nosso corpo é o instrumento através do qual nós temos a maravilhosa experiência de viver e descobrir a magia do mundo e de cada ser!

Beijinhos

LARA disse...

O nosso corpo é de uma grande beleza, mas por vezes o nosso espirito é enganado pelos sentidos...lol

Gostei do texto.
Parabéns

as velas ardem ate ao fim disse...

Lindissimo e profundo o teu texto.

Somos de carne e osso!

bjinhos

naoseiquenome usar disse...

O nosso corpo é como um templo.
Contudo às vezes mesmo que objectivamente bonito, ... está doente...


Um beijo.

ANKH disse...

Sabias palavras SA.RA . É bom que possamos refletir sobre tudo isso, pois não estamos neste corpo de hoje sem um propósito.
Grande Paz!
Ankh

o alquimista disse...

Temos tanto para conversar os dois...tanto...pena estarmos a muitas milhas de distância e com o mar pelo meio...
já me esquecia, o texto...sublime...!
Doce beijo

ANKH disse...

As palavras do Criador, sábiamente, colocadas em forma de lições são para serem semeadas e nós somos os "semeadores".
Grande Paz!
Ankh

greentea disse...

mudei de casa ...deixo a porta aberta para ti...

um beijo

Isabel José António disse...

Caríssima Sa.ra,

Cravei uma "lança em África" ao tentar deixar-te um comentário. Está muito difícil agora. Já não é do computador é do sistema.

Mas alguém um dia disse: "Somos uma alma vivendo a experiência de estar num corpo e não um corpo com uma alma".

Se a primeira parte da afirmação for correcta, claro que é através de todos os orgãos do corpo e de todos os sentidos (que nunca são só os cinco de que nos falaram, quando crianças e ainda se ensinam na escola)que poderemos experienciar tudo: emoções, sensações, medos, alrgrias, sentimentos, INTUIÇÕES e visões alargadas.

Para colocar em actividade, pelo menos nesta etapa da evolução, o sexto sentido, há "muito de trabalho de casa" para fazer. Tanto trabalho...sobre nós próprios.

Um grande abraço e parabéns pelos textos sempre inspirados e inspiradores.

Nota:
Se rarearem as nossas visitas,´não é desinteresse. É por impossibilidade de deixarmos comentários. Nem sem mesmo se esta que deixo ficará. Mas, por favor, continua a visitar-nos.

Um grande abraço

José António

Imhotep disse...

Siiim! Tudo está interligado e tudo é importante. Pensar que andou para ai pessoal durante seculos a dizer que tinhamos que desprezar os nossos corpinhos lindos... É preciso contrariar as tendencias platonicas e sublimar o corpo... Se podessemos apreciar tudo igualmente em cada momento, o corpo a mente, cada coisa que fazemos, cada pessoa...

greentea disse...

bom dia

obrigada pela visita - às vezes é preciso sacudir o lixo das gavetas e forrá-las de novo !

beijinhos

sa.ra disse...

Obrigada pelas vossas visitas e pelos vossos comentários!

:)

Obrigada!
beijos

Liliana disse...

Acho que eu sou mais que esta bela máquina que é o corpo humano...
É nele que me transporto e tenho de tratá-lo bem. Mas não acho que eu seja o corpo.Guio-o, ele é o meu veículo.
Um abraço